Carnaval temeroso

Carnaval temeroso

O carnaval se perde no tempo, pois há milhares de anos são festejados pelos povos. Nos primórdios eram feitas oferendas aos deuses com sacrifícios de animais, tudo com muita alegria, danças, e promiscuidade. O tempo passa e o carnaval perdura isto em razão da necessidade de conservação da data comemorativa, já que movimenta considerável quantia em dinheiro principalmente aqui no Brasil, aonde turista estrangeiro vem buscar a diversão tão propagada pela mídia.

Também o carnaval se sustentou até hoje em razão das próprias famílias darem destaque à data, incentivando seus filhos a cair na folia, colocando-lhes fantasias e adereÇÃOs, ao mesmo tempo em que pais se deixam levar pelo mesmo encanto das danças tribais, somado pela ingestão de aromatizantes, energéticos e às vezes alucinógenos. Tudo vira uma festa! Uma grande festa por considerável período.

São nesta época que ocorrem a maior quantidade de crimes com violaÇÕes, acidentes, mutilaÇÕes e mortes, dado a irresponsabilidade de parcela dos foliões e daqueles que se aproveitam do momento para a prática dos ilícitos penal. Imaginem nos dias de hoje, com a crise financeira que chegou ao limite, pessoas ainda dispondo recursos para festejar momo. Mas enquanto temos carnaval e povo sambando, certamente o governo folga um pouco das críticas e das pressões, muito embora tudo volte à tona nos próximos dias. Incrível que temos regiões no Brasil que já tem carnaval desde o início de fevereiro, e outras vão entrar marÇÃO adentro. Já tem até bloco formado com objetivo de fazer arrastão para prática de furto e roubo. Sinceramente é uma temeridade com a violência que impera no Brasil, deixar nossas casas e nos expormos nas grandes aglomeraÇÕes.

Por outro lado é nessa ocasião que o Plano Espiritual a exemplo de órgãos de segurança e saúde da Terra imprime maior atividade socorrista. é grande a falange de amigos invisíveis que se preparam para os eventos que nós desenvolvemos no período carnavalesco. Muito atendem aquelas pessoas que ingerem alcoólicos em excesso, ou se drogam a ponto de beirar ou entrar no coma. Muito antes do socorro de saúde pública chegar ao palco dos acontecimentos, já está presente os benfeitores amigos da espiritualidade auxiliando e socorrendo os necessitados, aplicando-lhes passes magnéticos e utilizando instrumental de auscultação.

é a providência Divina atuando para que possamos cumprir nossa trajetória na Terra até o fim de nosso tempo, mesmo quem se expõe ao carnaval temeroso.

Postada originalmente em: 2017-02-25 13:46:00

Categoria original: Coluna Semanal

Fonte: Nilton Moreira

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

MAIS LIDAS

VÍDEOS

Mais notícias

I N V E J A
Se eu tivesse escrito o texto sobre inveja, antes...
Braga – Nolly e Helena: Uma história de 68 anos de amor e companheirismo
Há 68 anos, em 18 de abril de 1953,...
Chiapetta não deu trégua no combate a Covid-19 neste sábado (17)
A Administração Municipal de Chiapetta através da Secretaria Municipal...
Brigada Militar apreende adolescente em Santo Augusto com drogas
Na sexta-feira (16/04), às 17h00 policiais militares do 7º...
Brigada Militar flagra aglomerações em Crissiumal
Na noite de sexta-feira (16/04), policiais militares do 7º...