Com R$ 4,5 milhões em bens, candidato a prefeito recebeu três parcelas do auxílio emergencial no RS

Durst Bier
NEWCON
Brigada Militar
Advogado Benhur Aurélio Formentini Nunes
ABC NOVO
SICREDI NOVO

Com um conjunto de bens avaliados em R$ 4,5 milhões, um candidato a prefeito de São José das Missões, no Norte do Estado, recebeu três parcelas do auxílio emergencial do governo federal. As informações foram confirmadas pela coluna ao acessar o Portal da Transparência, que reúne informações sobre quem recebeu o benefício.

Gilmar Weber Tolfo, que concorre a prefeito pelo Partido Liberal (PL), recebeu os R$ 600 nos meses de maio, junho e julho, totalizando R$ 1,8 mil. À Justiça Eleitoral, declarou possuir terrenos, máquinas agrícolas, veículos e valores em espécie, que, juntos, totalizam R$4.585.899,47.

Procurado pela coluna, Tolfo admitiu que recebeu os recursos, mas disse ter sido informado que, por ser agricultor familiar, teria direito ao benefício.

—Eu acredito que sim (teria direito), porque me falaram que agricultor familiar poderia receber — afirmou.

Ele também disse que não foi o responsável por encaminhar o cadastro para receber o auxílio:

— Foi feito o cadastro ali e liberaram para mim. Mas nem fui eu que encaminhei, foi os (funcionários) da Assistência (Social) que encaminharam.

O candidato disse que, caso necessário devolverá os recursos. Segundo ele, nenhuma outra pessoa da família recebeu o auxílio.

Ao ser questionado sobre os detalhes do encaminhamento, Tolfo interrompeu a ligação e disse que a coluna deveria procurar seu advogado.

 

Regras para receber

O auxílio emergencial foi criado para reduzir os efeitos negativos da pandemia de coronavírus na economia e foi direcionado a a trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEIs), autônomos, desempregados e famílias integrantes do programa Bolsa Família.

Pelas regras do programa, também não poderia receber o auxílio cidadãos com renda familiar mensal de até meio salário mínimo (R$ 522,50) por pessoa ou renda familiar mensal total da família de até três salários mínimos (R$ 3.135).

As normas também se aplicam a agricultores familiares.

 

Fonte:  ZH – Coluna Rosane de Oliveira – O jornalista Paulo Egídio colabora com a colunista Rosane de Oliveira, titular deste espaço

Sellnet Telecom
Gráfica Ômega
Zanella
Farmácia Santa Inês
Durst Bier
NEWCON
Brigada Militar
Advogado Benhur Aurélio Formentini Nunes
ABC NOVO
SICREDI NOVO
Sellnet Telecom
Gráfica Ômega
Zanella
Farmácia Santa Inês

Mais acessadas

Mais notícias

SLC Agrícola compra operações de Fazenda mato-grossense de 130 mil hectares
Grande produtora de grãos com sede em Porto Alegre e...
Polícia Federal incinera mais de 2 toneladas de drogas
A Polícia Federal incinerou nestasexta-feira (27), mais de duas toneladas...
Após desentendimento entre mulheres, vítima resta com lesão no pescoço em Ijuí
Um desentendimento entre duas mulheres, ocorrido na rua Rio Grande...
Frederico Westphalen: Polícia Civil divulga fotos de foragidos envolvidos em assassinato
Após ter identificado quatro suspeitos da morte de Idênio Portes...
Brigada Militar prende mulher por tráfico de entorpecentes em Ijuí
Na tarde de ontem (27/11/2020), a Brigada Militar de Ijuí...