‘Desastre tremendo, mas previsível’, diz prefeito de Ouro Preto após Morro da Forca desabar sobre casarões em MG

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442

O prefeito de Ouro Preto, Angelo Oswaldo, se pronunciou sobre o desmoronamento do Morro da Forca sobre dois casarões seculares na manhã desta quinta-feira (13) na cidade.

Segundo o político, a ocorrência pode ser encarada como um ‘desastre tremendo’, embora tenha sido ‘previsível’.

“Estamos aqui junto ao Morro da Forca depois desse desastre tremendo. Não há vítimas. Desde ontem, a Defesa Civil já havia interditado o entorno e as duas casas que foram destruídas já estão interditadas há muitos anos, até porque a área apresentava um risco enorme e isso já era, de certa forma, previsível”, pontuou Angelo Oswaldo.

Equipes municipais trabalham para implementar novas ações no local após a população ter passado por um susto enorme nesta manhã.

“Estamos com vários geólogos presentes e equipes da Escola de Minas colaborando com a Secretaria de Obras da prefeitura para ver as providências que podemos tomar. Não pode haver a remoção imediata da terra que deslizou, porque pode descer ainda mais. Pedimos o apoio de toda a população para que não circule na área. Quem puder evitar vir, quem tiver carro e quiser vir até o centro, que tenha calma, que espere um pouco, para que não tenhamos um grande engarrafamento”, complementou o prefeito.

Ainda conforme Angelo Oswaldo, várias ruas estão interditadas.

“Estamos com a interdição da Praça da estação, da Rua Diogo de Vasconcelos, da Rua Pacífico Homem, da Avenida Vitorino Dias. São várias vias centrais muito importantes para o escoamento do trânsito. O fundamental é que as pessoas evitem vir ao centro. Felizmente, não houve vítimas. Precisamos de tranquilidade para enfrentar esses problemas e não só aqui no Morro da Forca, mas em outros pontos. Com a diminuição das chuvas, podemos tomar providências de remoção de terras deslizadas, mas isso tem que ser feito com acompanhamento geotécnico”, informou o político.

Conforme o prefeito Angelo Oswaldo, o município já acionou os governos estadual e federal para a desobstrução das estradas.

“Estamos em contato com o governo do estado, com o governo federal para desobstrução das estradas. Graças à prefeitura de Mariana, houve liberação pelo bairro Marianense da Liberdade para haver a conexão Ouro Preto-Mariana. A rodovia do Contorno já está trafegando. Estamos trabalhando para liberarmos a rodovia dos Inconfidentes e a BR-040. Além de Ouro Preto, Ouro Branco, colocamos para o Governo de Minas que essa é agora a prioridade número um entre as intervenções que o estado deve fazer na região”, concluiu.

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp

Fonte: Rádio Itatiaia
Foto: Neno Viana/PMOP

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
PartiuSicoob_BannerSite_300x266px

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
graficaomegaok
zanella
farmsantinesnova