Diagnósticos de Covid crescem mais de 500% em uma semana no Litoral Norte do RS, diz coordenaria

Foto: Reprodução
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442

De acordo com o boletim, os serviços ambulatoriais registram procura intensa e filas para atendimento. Apesar do aumento de casos, não houve registro de óbitos em nenhum dos 21 municípios da região.

Os casos de Covid-19 diagnosticados na última semana nas cidades do Litoral Norte do RS foram seis vezes maiores do que na semana anterior. Entre 30 de dezembro e a última quarta-feira (5), foram registrados 1.108 novos casos, o que representa um crescimento de 508% em relação ao período entre 22 e 29 de dezembro.

De acordo com o boletim, os serviços ambulatoriais do Litoral Norte registram procura intensa e filas para atendimento. Com os novos casos, o Litoral Norte chega a 64.496 casos confirmados no total.

Os dados divulgados no boletim epidemiológico feito pelo Centro de Operações de Emergência (COE) foram coletados em cada uma das 21 cidades da 18ª Coordenaria Regional de Saúde (CRS). Morrinhos do Sul e Xangri-Lá não preencheram a Planilha de Monitoramento.

Além dos dois, fazem parte da 18ª CRS os municípios de Arroio do Sal, Balneário Pinhal, Capão da Canoa, Capivari do Sul, Caraá, Cidreira, Dom Pedro de Alcântara, Imbé, Itati, Mampituba, Maquiné, Mostardas, Osório, Palmares do Sul, Santo Antônio da Patrulha, Tavares, Terra de Arreia, Torres, Tramandaí, Três Cachoeiras e Três Forquilhas.

Apesar do aumento de casos, não houve registro de óbitos em nenhum dos 21 municípios da região. O total de mortes causadas pelo coronavírus no Litoral Norte segue, portanto, em 1.526.

Até quarta-feira, havia 1.479 pacientes com a doença ativa na região, o que representa o dobro da semana anterior. Desses, 34 estão internados.

No entanto, as internações não aumentaram: a taxa de ocupação de leitos de UTI no Litoral Norte é de 47%, enquanto a lotação de leitos clínicos exclusivos para Covid é de 9%, percentuais semelhantes aos da semana anterior.

A consulta é feita diretamente às secretarias municipais de saúde, já que os dados consolidados estão defasados ou indisponíveis, devido à inoperância do sistema após o ataque hacker ao Ministério da Saúde. O boletim também foi divulgado sem informações sobre a vacinação, porque os dados do Ministério da Saúde continuam indisponíveis.

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp

Fonte: G1/RS

Foto: Reprodução

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
PartiuSicoob_BannerSite_300x266px

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
graficaomegaok
zanella
farmsantinesnova