Ex-presidente do TCE é condenado na Operação Rodin

João Luiz Vargas renunciou à presidência do TCE em 2009 (Foto: Ronaldo Bernardi /Agencia RBS)

O ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE) João Luiz Vargas foi condenado a 12 anos e sete meses de prisão, nesta terça-feira (22), em ação da Operação Rodin – que apurou fraudes no Departamento Estadual de Trânsito (Detran). A sentença da 3ª Vara Federal de Santa Maria é pelos crimes de peculato, desvio de recursos e por formação de quadrilha.

Para o Ministério Público Federal, Vargas se beneficiou de contratos celebrados pelo Detran com fundaÇÕes vinculadas à Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

AnotaÇÕes em agendas e uma planilha apontam o pagamento de valores a ele entre 2003 e 2005. Além da prisão, João Luiz Vargas foi condenado à perda do cargo, cassação de aposentadoria e reparação do dano.

Cabe recurso ao Tribunal Regional Federal.

Postada originalmente em: 2016-03-23 03:00:00

Categoria original: Geral

Fonte: Rádio Gaúcha

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

MAIS LIDAS

VÍDEOS

Mais notícias

Guard Rail e árvores evitam que caminhão despenque de barranco as margens da RSC-472 em Tenente Portela
Um caminhão utilizado no transporte de suínos só não...
MPRS alerta para golpes contra Prefeituras realizados usando nome da Instituição
O Ministério Público alerta sobre um golpe realizado contra...
Sicredi Raízes RS/SC/MG realiza doação de R$ 350 mil a hospitais
A Sicredi Raízes RS/SC/MG é uma instituição financeira cooperativa...
Tragédia: Homem mata a filha e esfaqueia quatro pessoas da mesma família em SC
Na tarde desta segunda-feira (12), um homem identificado como...
Butantan libera hoje mais 1 milhão de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde
O Instituto Butantan libera, nesta quarta-feira (14), mais 1...