Ministério Público pede mais uma interdição de presídio

Foto: Márcia Sarmento (Jornal Folha do Noroeste)

O Ministério Público pediu na última semana, a interdição parcial do Presídio Estadual de Frederico Westphalen. A justificativa é a superlotação carcerária, existência de apenados de outros estados sem ordem judicial do Rio Grande do Sul e a periculosidade de alguns presos recolhidos ao sistema prisional.

O promotor de Justiça, João Pedro Togni, explicou que se trata de uma Ação Civil Pública, em que foi pedida a transferência de detentos que não vieram das comarcas de Frederico Westphalen, Rodeio Bonito e Seberi, além daqueles que representam periculosidade incompatível com as características da unidade prisional.

Com o reforÇÃO da Brigada Militar e da Polícia Rodoviária Federal, com o intuito de evitar possíveis resgates e por questões de segurança, na sexta-feira (10), foram transferidos cinco presos, envolvidos no assalto à agência do Banrisul de Rodeio Bonito, para o Presídio de Passo Fundo.

Postada originalmente em: 2017-03-13 18:05:00

Categoria original: Região Noroeste

Fonte: Jornal Folha do Noroeste

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

MAIS LIDAS

VÍDEOS

Mais notícias

Gafanhotos gigantes assustam moradores de Santa Catarina
Gafanhotos gigantes que começaram a aparecer em várias cidades...
Guard Rail e árvores evitam que caminhão despenque de barranco as margens da RSC-472 em Tenente Portela
Um caminhão utilizado no transporte de suínos só não...
MPRS alerta para golpes contra Prefeituras realizados usando nome da Instituição
O Ministério Público alerta sobre um golpe realizado contra...
Sicredi Raízes RS/SC/MG realiza doação de R$ 350 mil a hospitais
A Sicredi Raízes RS/SC/MG é uma instituição financeira cooperativa...
Tragédia: Homem mata a filha e esfaqueia quatro pessoas da mesma família em SC
Na tarde desta segunda-feira (12), um homem identificado como...