A equipe de reportagem entrou em contato com o organizador do evento Cassiano de Godoi Constante. Segundo ele, a vítima sentiu-se mal e foi levada até a área principal, onde existe maior ventilação. Neste meio tempo, a equipe do SAMU foi acionada para prestar socorro, porém, a mulher acabou falecendo. O local foi isolado, a bilheteria fechada, as portas de entrada também foram fechadas. Desta forma evitava-se movimento de pessoas.

Conforme ele revelou a reportagem, após a fatalidade, o organizador ofereceu para família da vítima que a festa fosse encerrada. Eles, entretanto, se opuseram a ideia de parar o evento pois apenas prejudicaria o empreendedor e não traria a mulher de volta a vida.

Equipes do Instituto Médico Legal (IML) de Bento Gonçalves não foram acionadas, uma vez que há a hipótese é de morte natural.