Operação Policial denominada “Cadmo” é desencadeada em Cruz Alta e Júlio de Castilhos

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
BanneFixoSite

No início da manhã desta sexta-feira (15/10), a Polícia Civil cumpriu 18 (dezoito) ordens judiciais, sendo 7 (sete) mandados de prisão preventiva e 11 (onze) mandados de busca e apreensão.

Em Júlio de Castilhos foram cumpridos 6 (seis) mandados de prisão preventiva e 10 (dez) mandados de busca e apreensão; sendo quem um dos mandados de prisão preventiva foi cumprido no Presídio Estadual de Júlio de Castilhos. Já no Presídio Estadual de Cruz Alta foram cumpridos um mandado de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão.

O objetivo da operação foi desarticular rede de tráfico de drogas existente nesta cidade, a qual é comandada por um apenado no Presídio Estadual de Cruz Alta. O apenado utilizou sua namorada para abrirem um bar no bairro Pedreira, local em que são vendidas drogas. Apurou-se que foram compradas residências neste bairro para monopolizarem e facilitarem o comércio de drogas, inclusive se denominaram como “favela do tráfico”; inclusive há controle de quais pessoas podem acessar o beco da Pedreira. Recentemente um dos alvos da operação foi preso em flagrante transportando quase trezentas gramas de cocaína.

Por fim, a investigação identificou que o apenado também comanda o tráfico em outras cidades da região, sendo que envia drogas de Júlio de Castilhos para estas cidades.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidos: drogas (maconha); aparelhos de telefones celulares; anotações referentes ao tráfico, entre outros objetos. Um indivíduo também foi preso em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

O chefe da organização, que possui 31 anos e é natural de São Leopoldo, possui antecedentes policiais por latrocínio, estupro, roubo majorado na forma tentada, roubo majorado, tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação, entre outros.

Após os procedimentos de praxe na Delegacia de Polícia, os homens foram encaminhados ao Presídio Estadual de Júlio de Castilhos e as mulheres foram encaminhadas ao Presídio Regional de Santa Maria, onde ficarão à disposição da Justiça.

A ação foi coordenada pelo Delegado Adriano Winkelmann De Rossi, Substituto da DP/Júlio de Castilhos e contou com o apoio de mais 60 policiais e 18 viaturas das Delegacias da 3ª Região Policial (Santa Maria), da Delegacia de Polícia de Repressão às Organizações Criminosas Organizadas (DRACO) de Bagé, da Superintendência dos Serviços Penitenciários (SUSEPE) e da Brigada Militar de Júlio de Castilhos e da Equipe com cães de Santa Maria.

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp

Central de Jornalismo
Com informações e foto da Polícia Civil

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
FarmaciaVidaCoronelBicaco_Bannerok
PartiuSicoob_BannerSite_300x266px

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
graficaomegaok
zanella
farmsantinesnova
Sellnet2