Prefeito cassado em março ganha as eleições suplementares realizadas neste domingo (28) em São Francisco de Assis-RS

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
Campanha Sobras - 1080X1080

Neste domingo, os eleitores do município de São Francisco de Assis, no Rio Grande do Sul, elegeram Paulo Renato Cortelini-Gambá (MDB), na eleição suplementar. Com o resultado, ele retorna ao cargo após ter sido cassado no início deste ano. Ele só pode concorrer novamente porque, apesar de perder o mandato, não foi considerado inelegível.

Cortelini retornará ao cargo após a disputa contra Ademar Frescura (PP). Ele ficará no cargo até o final do ano, uma vez que novas eleições vão ocorrer em outubro. Antônio Ebertom Luiz dos Santos, conhecido como Piruca, integrava a chapa de Cortelini, formada pelo MDB e PDT.

Neste ano, Cortelini, o vice-prefeito, Jeremias Izaguirre de Oliveira, foram cassados por abuso de poder político e econômico e por captação ilícita de sufrágio. O julgamento se deu no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RS). Além do prefeito e do vice eleitos em 2020, o vereador Vasco Carvalho (MDB) também foi cassado.

Dados

Com 100% dos votos apurados, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cortelini atingiu 53,22% dos votos válidos, o que somou 5.490 votos. Já o seu adversário, Ademar Frescura, ficou com 46,78%, ou seja, recebeu 4.825 votos. Além disso, 2,01% anularam o voto e 2,81% votaram em branco.

Fonte: Correio do povo

Compartilhe:

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
Campanha Sobras - 1080X1080

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
zanella
farmsantinesnova
Roque_2021-300x266-1-seo