Presos suspeitos de cultivar e enviar drogas pelos Correios no RS

Dois homens suspeitos de cultivar e enviar drogas pelos Correios foram presos pela Polícia Federal no Chuí, na Região Sul do Rio Grande do Sul. Um deles foi preso na noite da quinta-feira (8) e o outro já havia sido preso no final de junho.

Segundo a PF, eles são suspeitos de praticar tráfico internacional de skunk e sementes de maconha. As investigações começaram em novembro de 2020, quando envios desses entorpecentes foram interceptados pela Receita Federal.

Os presos são brasileiros, mas moravam na cidade de Chuy, no Uruguai, onde compravam, cultivavam e enviavam para o Brasil os entorpecentes.

Durante a investigação, foram interceptadas aproximadamente 25 remessas de skunk e sementes de maconha.

O inquérito da Polícia Federal tem como objetivo reprimir o tráfico de entorpecentes na região, que vem apresentando significativo aumento, segundo a instituição.

Fonte: G1

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
Slider

MAIS LIDAS

Slider