Professores, técnicos e servidores de escolas do RS voltam às atividades a partir de segunda-feira

Brigada Militar
Advogado Benhur Aurélio Formentini Nunes
ABC NOVO
SICREDI NOVO
WAGNER NOVO
INFE NOVO

Como ação de preparação para as aulas presenciais na Rede Estadual de Ensino, a Secretaria Estadual da Educação (Seduc) convocou, por meio do Memorando Nº 220, de 30 de setembro de 2020, os servidores e professores, exclusivamente do Ensino Médio e Ensino Técnico, para retorno às atividades presenciais nas escolas a partir de 5 de outubro.

O retorno se dará em regime de plantão, em revezamento e escalonamento, cumprindo todos os protocolos sanitários do modelo de distanciamento social controlado. Durante o período, serão realizadas ações de organização das equipes, adaptação dos ambientes frente aos protocolos e alinhamento pedagógico à Matriz de Referência do Modelo Híbrido de Ensino, entre outras iniciativas.

Como será a retomada?

A Seduc também encaminhou às Coordenadorias Regionais de Educação memorando circular que orienta para este retorno das atividades presenciais de preparação nas escolas. Entre os requisitos para a ação estão a aquisição e o uso de máscaras, álcool gel, termômetro, luvas descartáveis de látex, produtos de higienização, água sanitária e desinfetantes, conforme os protocolos sanitários.

A direção da escola deverá utilizar recursos da Autonomia Financeira para aquisição destes itens destinados ao acolhimento dos profissionais de maneira segura. As escolas que não dispuserem de recursos financeiros, em decorrência da não prestação de contas em tempo hábil, ou outros motivos, devem entrar em contato diretamente com o gabinete do Departamento Administrativo (DAD) da Seduc. Estas aquisições devem contemplar a quantidade de EPIs e materiais de higienização necessários para professores e servidores pelo período de 15 dias.

Para as aulas, o Estado garantirá todos os materiais para as equipes das escolas e para os estudantes.

Investimentos para o retorno

Para o retorno das aulas presenciais, o Estado irá dispor de um investimento extra na ordem de R$ 270 milhões para aprendizagem, capacitação, aquisição de equipamentos de proteção e materiais de desinfecção e contratação de professores e profissionais de apoio (serventes e merendeiras).

A Seduc reitera que a compra dos equipamentos de proteção individuais (EPIs) e dos materiais de desinfecção foi concluída. A entrega será realizada antes do retorno das aulas presenciais, ficando a cargo da direção das escolas a responsabilidade pelo recebimento dos materiais, dando cumprimento aos protocolos sanitários estabelecidos na portaria conjunta SES/Seduc 1/2020.

*Com informações Ascom/RS

Sellnet Telecom
Gráfica Ômega
Zanella
Farmácia Santa Inês
Brigada Militar
Advogado Benhur Aurélio Formentini Nunes
ABC NOVO
SICREDI NOVO
WAGNER NOVO
INFE NOVO
Sellnet Telecom
Gráfica Ômega
Zanella
Farmácia Santa Inês

Mais acessadas

Mais notícias

7° BPM prende homem por porte ilegal de arma de fogo em Campo Novo
No sábado (24/10), às 22h15 policiais militares do 7° BPM...
Cenário para 2021 prevê queda de mais de R$ 850 milhões na receita dos municípios
A perda de arrecadação das prefeituras gaúchas em 2021, estimada...
Dois jovens são presos por tráfico de drogas em Palmeira das Missões
Policiais civis da Delegacia de Polícia de Palmeira das Missões...
Coronel Bicaco registra mais um caso de Covid-19 neste sábado (24)
A Secretaria Municipal de Saúde de Coronel Bicaco atualizou na...
Brigada Militar solicita para povo dispersar em promoção no centro de Tenente Portela RS
Antes mesmo das 20 horas deste sábado, não havia mais...