Reforço na segurança: Polícia Civil gaúcha forma mais 247 agentes escrivães e inspetores

Do total de novos agentes, são 133 homens e 114 mulheres, com idades entre 24 e 49 anos. - Foto: Miguel Noronha
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442

A Polícia Civil formou, nesta segunda-feira (27), às 14h, em cerimônia no Centro de Eventos da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), mais 247 agentes, entre escrivães (121) e inspetores de polícia (126), que ingressam na Instituição a partir do concurso público iniciado em fevereiro de 2018. Esta é a 55ª turma de escrivães e 54ª turma de inspetores formadas pela Academia de Polícia (Acadepol) – a última das 6 etapas do certame.

 

Durante os cursos de formação, os alunos agentes foram separados em 8 turmas – 4 de escrivão e 4 de inspetor
Durante os cursos de formação, os alunos agentes foram separados em 8 turmas – 4 de escrivão e 4 de inspetor – Foto: Polícia Civil – Divulgação

 

Foram 830 horas-aula, entre disciplinas teóricas e práticas que desenvolveram e aprimoraram as competências necessárias aos cargos, especialmente nas áreas de investigação criminal, elaboração de inquérito policial, utilização de novas tecnologias, estágio profissional, treinamento físico, defesa pessoal, técnicas de operações policiais e tiro.

A Diretora-Geral da Academia de Polícia Civil (Acadepol), Delegada Elisangela Melo Reghelin, falou das dificuldades da trajetória no curso de formação e como os alunos transpuseram os obstáculos da pandemia. “Dias difíceis, bem mais do que imaginávamos que seriam, vieram. Foram os seis meses mais desafiadores para todos nós. A cada susto por notícia de Covid-19, elaboramos novas estratégias e formas de solucionar os problemas. Chegamos aqui com todos salvos e vitoriosos”, pontuou.

Subchefe da Instituição; Vice-governador e Secretário da SSP/RS; Chefe de Polícia e Diretora-geral da Acadepol
Subchefe da Instituição; Vice-governador e Secretário da SSP/RS; Chefe de Polícia e Diretora-geral da Acadepol – Foto: Leandro Reis – PCRS

A Chefe de Polícia, Delegada Nadine Anflor, também discorreu sobre os desafios da realização do curso durante a pandemia e salientou a importância dos novos agentes para a população. “Hoje, a Polícia Civil está em festa, não foi uma tarefa fácil formar 247 agentes em meio à pandemia. Enfrentamos o curso de formação mais difícil dos últimos tempos, porém, todos nós vencemos. A partir de hoje, vocês fazem parte de uma nova família, a da Polícia Civil do Rio Grande do Sul. Serão vocês que farão a diferença em uma população que clama por segurança. Se hoje temos indicativos de queda em criminalidade é porque os policiais são essenciais em nossa sociedade. Quando a polícia é estruturada, forte e respeitada, o crime não prevalece”, enfatizou.

O Vice-Governador e Secretário da Segurança Pública do RS, Delegado Ranolfo Vieira Junior, destacou a qualidade da Polícia Civil do Estado. “Este é um momento de celebrar e coroar toda a árdua trajetória que tiveram durante o curso. A sociedade gaúcha anseia por vocês e os espera de braços abertos. É o comprometimento de todos que fará a diferença na segurança do estado. Vocês estão ingressando na instituição que é reconhecida como a melhor Polícia Civil do Brasil. Por meio do Programa RS Seguro, conseguimos reduzir todos os indicativos de criminalidade. Para o Governo do Rio Grande do Sul, Segurança Pública é prioridade”, ressaltou.

Vice-governador e Secretário da SSP/RS, Chefe de Polícia e demais autoridades ao lado dos Xerifes das turmas de formandos
Vice-governador e Secretário da SSP/RS, Chefe de Polícia e demais autoridades ao lado dos Xerifes das turmas de formandos – Foto: Polícia Civil – Divulgação

Em vídeo, o Governador Eduardo Leite agradeceu aos formandos por escolherem a Polícia Civil do RS e frisou a competência de todos que concluíram o curso. “Quero agradecer a todos por escolherem esta missão, a de servir ao público. Hoje, 247 agentes estão prontos para ingressar na força policial, que enfrentará o crime e tornará nosso estado cada vez mais seguro. Além dos desafios próprios que a formação demanda, tudo isto foi enfrentado durante um contexto de pandemia e respeitando protocolos sanitários rígidos. Portanto, tenho a convicção de que estão preparados para assumir este cargo”, finalizou.

O ingresso desses novos servidores na Polícia Civil gaúcha dá continuidade ao cronograma de chamamento apresentado pelo governo estadual, a fim de assegurar a reposição planejada de efetivo nas instituições de Segurança Pública, escopo do Programa RS Seguro.

Agentes de 17 estados brasileiros compuseram a turma de formandos
Agentes de 17 estados brasileiros compuseram a turma de formandos – Foto: Polícia Civil – Divulgação

Perfil

Durante os cursos de formação, os alunos agentes foram separados em 8 turmas – 4 de escrivão e 4 de inspetor. No total, são 133 homens e 114 mulheres, com idades entre 24 e 49 anos, de 17 estados brasileiros.

 

Fonte: Polícia Civil

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
graficaomegaok
zanella
farmsantinesnova
Sellnet2