Sábado de Páscoa terá predomínio de sol, após sexta de temporais no RS

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
SICOOB - 40 anos feed (1080x1080)_page-0001

Após a chuva e os temporais isolados, que chegaram a gerar estragos e falta de luz em várias regiões, o ingresso de ar mais seco firma o tempo neste sábado de Páscoa, no Rio Grande do Sul. O sol predomina, embora alguns pontos ainda possam ter chuva na madrugada, caso do Nordeste gaúcho.

Como a massa de ar sobre o território gaúcho segue quente, a temperatura sobe rapidamente sob a presença do sol e a maioria das localidades vai ter uma tarde de calor para o fim de março, com máximas próximas ou acima dos 30ºC. Aquece mais no Oeste, no Noroeste, nos vales e na Grande Porto Alegre.

As mínimas rondam os 17ºC em Passo Fundo e os 14ºC em São José dos Ausentes. As máximas, por sua vez, podem chegar a 31ºC em Pelotas e 32ºC em Santa Rosa e Uruguaiana. Em Porto Alegre, os termômetros variam entre 19º e 30ºC.

Temporais voltaram a causar estragos e deixaram feridos, oito dias depois da grande onda de tempestades associada à passagem de uma frente fria que trouxe vento de até 140 km/h no estado no dia 21. Os temporais atingiram diversas regiões, como o Alto Jacuí, os vales e a Grande Porto Alegre. Os vendavais gerados pelas tempestades foram localizados, o que explica o porquê de ter havido poucos registros de vento forte em estações meteorológicas.

Houve relatos de granizo miúdo a médio em várias cidades, como em pontos de Gravataí, Taquara, Canela, Viamão, São Francisco de Paula, Cachoeira do Sul, Rio Pardo e Estrela, dentre outros municípios. Em diferentes cidades, a virada do tempo à tarde veio com vento forte a isoladamente intenso. Foram ocorrências pontuais, mas que de forma localizada causaram estragos.

Houve registro de destelhamentos e queda de árvores no interior do estado em cidades como Cruz Alta e Venâncio Aires. Em Porto Alegre, vários bairros da cidade também tiveram fortes rajadas de vento, com destelhamentos em alguns pontos e um desabamento no Centro da cidade que deixou feridos. As rajadas de vento no Aeroporto Salgado Filho atingiram 72 km/h, entretanto, por efeito da topografia da capital, é certo que dentro da cidade houve rajadas de maior intensidade.

Vários voos programados para pousar no aeroporto no fim da tarde tiveram dificuldades com os pilotos relatando cortante de vento e turbulência forte a severa na aproximação. Alguns arremeteram e decidiram alternar para outros aeroportos, como para Florianópolis.

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp

Fonte: Correio do Povo

Compartilhe:

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
SICOOB - 40 anos feed (1080x1080)_page-0001

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
zanella
farmsantinesnova
Roque_2021-300x266-1-seo