Suspeito preso, negou participação no crime ocorrido em São Martinho

Suspeito preso, negou participação no crime ocorrido em São Martinho

O homem de 35 anos preso temporariamente pela a Polícia Civil, na manhã da última terça-feira (11-10), negou participação do crime que tirou a vida de Roque Unser, 60 anos (Roquão) em São Martinho. O delegado Gustavo Germano Fleury, revelou ao repórter Antônio de Oliveira, que continua com a hipótese de que o crime tenha tido motivação política, porem não descarta a possibilidade de vingança ou dividas. Mais pessoas podem ter participado do crime.

Roque Unser, 60 anos (Roquão), que ocupou o cargo de chefe de gabinete na atual administração municipal, foi assassinado na noite da sexta-feira, dia 30 de setembro, na localidade de Santa Lúcia, interior de São Martinho. Conforme o delegado Fleury, a vítima foi morta mediante uma emboscada em que os autores bloquearam a estrada e em seguida dispararam contra o veículo conduzido pela vítima.

A polícia tem prazo até o final de outubro, para concluir o inquérito.

Postada originalmente em: 2016-10-13 15:45:00

Categoria original: Região Noroeste

Fonte: No Ar Notícias

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

MAIS LIDAS

VÍDEOS

Mais notícias

Polícia Civil investiga incêndio e morte no interior de Derrubadas
A Polícia Civil investiga um incêndio ocorrido no interior...
I N V E J A
Se eu tivesse escrito o texto sobre inveja, antes...
Braga – Nolly e Helena: Uma história de 68 anos de amor e companheirismo
Há 68 anos, em 18 de abril de 1953,...
Chiapetta não deu trégua no combate a Covid-19 neste sábado (17)
A Administração Municipal de Chiapetta através da Secretaria Municipal...
Brigada Militar apreende adolescente em Santo Augusto com drogas
Na sexta-feira (16/04), às 17h00 policiais militares do 7º...