Tragédia no Rio Grande do Sul: Enchentes e deslizamentos já resultam 31 mortes

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
Campanha Sobras - 1080X1080

O governador do Rio Grande do Sul lamentou profundamente as vidas perdidas nas recentes enchentes que devastaram o estado, confirmando que o número de mortos chegou a 29, conforme o último relatório da Defesa Civil Estadual às 18h desta quinta-feira (2). Adicionalmente, duas mortes foram registradas em Taquara e São Vendelino, elevando o total para 31 vítimas fatais nas enchentes que atingiram o estado no final de abril e início de maio de 2024.

Entre os trágicos incidentes, destaca-se a morte de Onércio Giovane, 60 anos, em Pantano Grande, vítima de uma descarga elétrica em sua casa alagada. Em Paverama, no Vale do Taquari, dois idosos, Nestor Schafer, 61 anos, e Delmar Waldomiro Sander, 69, foram encontrados mortos após o carro em que estavam ser arrastado pela água.

A cidade de Encantado também registrou uma morte devido a um desmoronamento que vitimou Josiane Machado, 45 anos. Situação similar ocorreu em Itaara, onde Eliziane Milani Buss, 47 anos, perdeu a vida quando sua residência foi soterrada, deixando outros membros da família feridos.

Em Segredo, Alzemar Foster, conhecido como Xará, 63 anos, morreu ao tentar atravessar de carro uma área alagada. Em Salvador do Sul, duas pessoas foram encontradas mortas sob os escombros de residências que desabaram.

A situação em Santa Maria é igualmente sombria, onde uma adolescente de 17 anos, Emily Ulguin da Rocha, e sua mãe, Liane Ulguin da Rocha, 45 anos, morreram em um deslizamento. Em Silveira Martins, a idosa Olide Pierina Brondani, 84 anos, foi uma das vítimas soterradas.

Santa Cruz do Sul também enfrentou perdas, com a morte de um casal em uma região alagada, e São João do Polêsine lamentou a morte de uma adolescente de 15 anos, soterrada perto do centro da cidade.

Outras localidades como Boa Vista do Sul, Serafina Corrêa, Gramado, Canela, Caxias do Sul e Bento Gonçalves relataram mortes devido a deslizamentos e condições extremas, com muitas outras pessoas ainda desaparecidas.

As autoridades continuam os esforços de resgate e auxílio às comunidades afetadas, enquanto enfrentam a dura realidade de mais chuvas e possíveis rompimentos de barragens. O estado permanece em alerta máximo, com a população sendo instada a seguir todas as orientações de segurança e evacuação.

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp

Fonte: Agora no Vale

Compartilhe:

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
WhatsApp Image 2022-07-15 at 09.14.17
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
BANNERSANTAINESNOVO
mart
Campanha Sobras - 1080X1080

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
zanella
farmsantinesnova
Roque_2021-300x266-1-seo