Ultramaratonista desaparece durante prova na Praia do Cassino, em Rio Grande, diz polícia

ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
BanneFixoSite

Um homem de 65 anos desapareceu, neste domingo (14), durante a realização de uma ultramaratona entre a cidade de Chuí e a Praia do Cassino, em Rio Grande, no Sul do Rio Grande do Sul. Segundo a Polícia Civil, o atleta foi identificado como Carlos Augusto de Freitas, morador de São Paulo.

A organização do evento confirma a ocorrência. De acordo com a Extremo Sul Ultramarathon, o homem é considerado “muito experiente em provas de longas distâncias, perfeitamente capaz e conhecedor das dificuldades da prova, mas que por algum motivo, ainda desconhecido, saiu da rota da praia”. Leia a nota abaixo.

A titular da 7ª Delegacia de Polícia Regional de Rio Grande, Lígia Marques Furlanetto, diz que as causas do desaparecimento são desconhecidas.

“Estamos fazendo as buscas, mas, até agora, não se sabe quais foram as circunstâncias do desaparecimento”, afirma.

Órgãos como a Marinha, o Corpo de Bombeiros Militar e a Defesa Civil atuam nas buscas pelo ultramaratonista. Eles fazem uso de uma aeronave, além de veículos terrestres. A polícia não descarta nenhuma hipótese na investigação do desaparecimento do atleta.

“Não se sabe se ele veio a passar mal. As informações que se tem é que ele tinha uma certa experiência em provas. A gente trabalha com a possibilidade de ele estar parado em algum lugar aguardando auxílio”, explica a delegada.

De acordo com a organização do evento, os últimos contatos com o ultramaratonista foram feitos na madrugada de sábado (13) para domingo. No início da manhã de domingo, a esposa do atleta teria entrado em contato com ele.

Chuí é o município mais ao sul do Brasil. Já a Praia do Cassino é reconhecida como uma das maiores do mundo, mais de 200 km de extensão – o trajeto estimado da prova.

A ultramaratona começou na sexta-feira (12), sendo encerrada no domingo, com a vitória do português Vitor Rodrigues, de 37 anos.

Nota da Extremo Sul Ultramaraton:

Informamos que ontem, pela manhã, um dos atletas que participavam do evento pela terceira edição, está desaparecido.

O Atleta é um senhor de 65 anos, muito experiente em provas de longas distâncias, perfeitamente capaz e conhecedor das dificuldades da prova, mas que por algum motivo, ainda desconhecido, saiu da rota da praia.

O protocolo de emergência foi acionado através da Defesa Civil de Rio Grande que juntamente com os agentes de trânsito, jipeiros afetos a organização, guardas municipais e população local, iniciaram buscas e varreduras no trajeto onde teve o último contato com sua esposa via telefone.

Hoje haverá um maior efetivo nas buscas com o apoio da Marinha, que poderá enviar um helicóptero, do 6°GAC Exército Brasileiro que colocou batedores na região e do Corpo de Bombeiros.

Assim sendo, pedimos ajuda a todos que tenham carros tracionados, motos, triciclos e conhecimento da região entre o Sarita e o Navio Altair, para dentro e para fora, que queiram percorrer esta zona e ajudar nas buscas. Todas as ajudas serão bem vindas.

 

Receba as notícias do Site OBSERVADOR REGIONAL no seu celular: CLIQUE AQUI e faça parte do nosso grupo de WhatsApp.

Fonte: G1 RS

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
ABC_OK-300x266
viatec-300x266
Benhur_BannerSite-300x266
brigada-300x267
infe_ok-300x266
lojaswagner_ok-300x266
Roque_2021-300x266
sicredi_ok-300x266
Site_392x442
FarmaciaVidaCoronelBicaco_Bannerok
PartiuSicoob_BannerSite_300x266px

MAIS LIDAS

SELLNET-300x158
graficaomegaok
zanella
farmsantinesnova
Sellnet2