URGENTE: Polícia Civil investiga suspeita de ataque à escola em Chapecó

Foto: Diego Antunes / ClicRDC
Slider

Pais e familiares preocupados com mensagens que circulam sobre um possível ataque em uma escola no interior de Chapecó, procuraram o Grupo Condá de Comunicação para relatar o fato. De acordo com uma das mães, o filho chegou em casa e contou que havia um menino de aproximadamente 16 anos que ameaçava realizar um massacre na escola.

Na escola há 263 alunos matriculados, da 1º ao 9º.

Segundo a mãe, o menino teria publicado em uma rede social uma foto de uma loja de armas onde colocou como legenda “comprando armas para o massacre @9 ano”, diz a legenda.

O ClicRDC foi até a linha Faxinal dos Rosas interior de Chapecó e conversou com familiares na manhã desta sexta-feira (20) que relataram a preocupação com o fato.

Em contato com a Prefeitura do Município de Chapecó, a assessoria de imprensa informou que não vai se manifestar sobre o caso, mas As medidas preventivas foram tomadas pela Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade e pela Secretaria de Educação.

“Como é um caso de ameaça não vamos nos manifestar no momento. As medidas preventivas foram tomadas pela Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade e pela Secretaria de Educação”, diz a Prefeitura através da Assessoria de Imprensa.

Uma reunião com as forças de segurança de Chapecó e com a Secretária de Educação, Astrit Tozzo acontece na escola. Alguns vereadores também foram até a escola. A Secretária de Educação conversou com o ClicRDC sobre o fato.

Fonte: Clic RDC

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
Slider

MAIS LIDAS

Slider